Para participantes do PP-2

Compare

O Flexprev é um plano de contribuição definida (CD). Já o PP-2 é um plano de contribuição variável (CV). Confira o quadro abaixo e compare as principais características de cada plano.

Flexprev PP-2
Não há qualquer tipo de mutualismo Na renda vitalícia, o saldo acumulado é adicionado a uma conta coletiva para pagamento de todos que escolheram esse tipo de benefício
Cada participante tem sua própria conta, totalmente individualizada Na fase de ativo, as contas são individualizadas. Ao se aposentar, manterá uma conta totalmente individualizada, (renda por prazo indeterminado) ou coletiva (renda vitalícia), que reúne as contribuições de todos os participantes que escolheram essa opção
Percentual de contribuição é definido na adesão, podendo ser elevado ou reduzido anualmente por opção do participante ativo, respeitando limite do regulamento (1% a 5% para quem ganhar até R$ 5.000 e de 1% a 11% para quem ganha a partir de R$ 5.000,01) para garantir paridade do patrocinador. Esses valores de referência salarial são atualizados anualmente pelo IPCA.
O percentual de contribuição vai de 6% a 11%. Mas tanto o mínimo quanto o máximo dependem da idade do participante. Por exemplo, só é possível contribuir com 11% ao completar 50 anos
Contribuição incide sobre a remuneração, sem teto ou limitador Contribuição incide sobre a remuneração, sem teto ou limitador
Contribuição apenas durante a fase de ativo Contribuição apenas durante a fase de ativo
A empresa patrocinadora contribui mensalmente para o plano, com o mesmo valor da contribuição básica do participante ativo A empresa patrocinadora contribui mensalmente para o plano, com o mesmo valor da contribuição básica do participante ativo
Participante ativo pode fazer contribuições adicionais, sem contrapartida da Vibra, para elevar saldo de conta e valor a ser recebido no futuro Participante ativo pode fazer contribuições adicionais, sem contrapartida da Vibra, para elevar saldo de conta e valor a ser recebido no futuro
Benefício de aposentadoria só será conhecido no momento da concessão, com base no saldo acumulado na conta individual Benefício de aposentadoria só será conhecido no momento da concessão, com base no saldo acumulado na conta individual. Também há garantia de benefício mínimo caso o saldo acumulado seja insuficiente para pagar esse piso
É possível sacar até 25% do saldo de conta: participantes assistidos no momento da migração e participantes ativos na aposentadoria Única opção ao saldo de conta no momento da aposentadoria é via recebimento de benefício mensal
Aposentado pode escolher uma entre três opções de recebimento de benefício e pode alterar a forma de recebimento uma vez por ano Há duas opções de recebimento de benefício: renda por prazo indeterminado e renda vitalícia
Participantes ativos podem resgatar ou portar para outro plano 100% das suas contribuições e as da patrocinadora, observado o tempo de carência quando aplicável (somente no caso de novos participantes, quem migra não tem carência), após o desligamento da empresa Participantes ativos podem resgatar apenas suas contribuições realizadas ao plano após o desligamento da empresa. Não há resgate das contribuições realizadas pela patrocinadora. É possível portar suas contribuições e as da Vibra para um fundo aberto de previdência, do tipo PGBL, mas o valor aportado pela empresa só poderá ser revertido em renda de aposentadoria. Num fundo de previdência instituído, após 36 meses de contribuição neste plano, em caso de portabilidade, o valor depositado pelo patrocinador poderá ser sacado

Em caso de morte do participante ativo ou aposentado, beneficiários têm direito a abono ou pensão. Qualquer pessoa pode ser designada como beneficiário. Se não houver pensionista, o saldo da conta fica para seus herdeiros

Em caso de morte do participante ativo ou aposentado, beneficiários têm direito a pecúlio ou pensão. Serão considerados para recebimento de pensão os beneficiários inscritos pelo participante conforme determina o regulamento. Qualquer pessoa pode ser designada para recebimento do pecúlio. Se não houver beneficiários em caso de falecimento de ativos, o saldo em conta é herdado conforme definição em inventário. No caso de morte de aposentado que optou pelo benefício por prazo indeterminado, se não houver pensionista, o saldo da conta fica para seus herdeiros. Quem opta pela renda vitalícia, não há saldo a herdar e, caso não haja pensionista, o saldo remanescente fica na conta coletiva do plano
Oferece coberturas de risco (pensão e abono por morte, aposentadoria e abono por invalidez). Os valores a serem pagos sairão da conta individual do participante Oferece coberturas de risco (pecúlio, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-reclusão e aposentadoria por invalidez). Os valores a serem pagos saem da conta coletiva de riscos
Benefício é pago enquanto houver saldo na conta individual O benefício por prazo indeterminado é pago enquanto houver saldo na conta individual. Já o benefício vitalício é pago enquanto o aposentado viver ou seus beneficiários tiverem direito à pensão
Não está sujeito a equacionamento Sujeito a equacionamento apenas para quem opta pela renda vitalícia. Renda por prazo indeterminado não está sujeita a equacionamento

As condições de migração contidas neste hotsite se baseiam na proposta que ainda depende da aprovação da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), podendo haver mudanças nas condições e detalhes apresentados aqui, levando a atualizações deste hotsite. O formato final das condições de migração será amplamente divulgado antes da abertura do período de opção pelo Flexprev.